Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (16)99367-0115

Encontre o que deseja

NO AR

Baú Sertanejo

    Brasil

Estado terá mais três delegacias de defesa da mulher abertas 24 horas

Atualmente, São Paulo possui 133 Delegacias de Defesa da Mulher (DDM) – 35,8% das DDMs do país

Publicada em 19/01/19 as 11:45h por sirfmsaojoaquim.com.br - 218 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: sirfmsaojoaquim.com.br)
A população feminina de São Paulo agora passará a contar com três novas delegacias da mulher com funcionamento 24 horas por dia. O Estado é pioneiro no aprimoramento de políticas de segurança no combate à violência sexual e de gênero.

O anúncio da inauguração foi feito pelo governador João Doria logo após a reunião do secretariado realizada na manhã desta sexta-feira (18).Segundo Doria, uma DDM será inaugurada na primeira semana de fevereiro e outras duas ao longo do mês.

Até o momento, a capital paulista conta com uma delegacia da mulher que faz atendimento ininterrupto, mas o serviço será ampliado gradativamente para todas as DDMs (Delegacias de Defesa da Mulher) do Estado.

“No total serão quatro DDMs no Estado atendendo 24 horas por dia”, disse João Doria. O governador também destacou que irá aumentar o efetivo de policiais civis mulheres para o primeiro atendimento nas unidades que terão horários ampliados.

Atualmente, São Paulo possui 133 Delegacias de Defesa da Mulher (DDM) – 35,8% das DDMs do país. Todas as 1.458 delegacias paulistas, inclusive as 212 Centrais de Polícia Judiciária (CPJs) que funcionam 24 horas, são capacitadas para receber e podem registrar casos de violência contra a mulher.

As DDMs adotam ainda o Protocolo Único de Atendimento, que estabelece um padrão para o acolhimento das vítimas dessas ocorrências. Os cursos de formação dos policiais, sejam civis ou militares, contemplam disciplinas direcionadas ao tema.

“Nós temos 368 delegacias da mulher no Brasil e 37% delas estão em São Paulo. E nossa primeira DDM funciona 24 horas desde 2016. Lógico que queremos implantá-las o quanto antes, mas esse é um critério absolutamente técnico”, disse o secretário de Segurança Pública General João Camilo Pires de Campos.





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Nosso Whatsapp

 (16)99367-0115

Visitas: 70219 | Usuários Online: 11

© 2019, Sistema Integrado de Rádio . - Todos os direitos reservados